Arquivo de etiquetas: publicação amadora

A publicação amadora: uma possível ameaça ao jornalismo

A publicação amadora é uma ameaça ao ciberjornalismo, já que corresponde às publicações feitas pelos cibernautas. Quer isto dizer que qualquer pessoa pode publicar, ou seja, produzir informação. O facto de qualquer um poder produzir informação pode condicionar a fiabilidade, o rigor, a credibilidade, caraterísticas próprias do jornalismo.

O que é a publicação amadora?

A publicação amadora, como o próprio nome indica, engloba publicações por não profissionais, por pessoas que são inexperientes num determinado assunto, neste caso, na produção de informação. Dessa forma, o conteúdo de estas publicações provém dos próprios internautas.

Os blogs como exemplos da publicação amadora

O exemplo que melhor ilustra a publicação amadora são os blogs. Os blogs representam a fase de maior expansão da internet, o “grande boom”.

Que tipos de blogs existem?

Existem três tipos de blogs, uns com um conteúdo mais introspetivo e pessoal, virado para o seu autor; uns com um conteúdo mais informativo; outros mistos. Os de conteúdo introspetivo constroem-se à volta do seu autor, em que este partilha emoções, pensamentos, funcionando este como um diário. Os de conteúdo informativo, por outro lado, partilham informação, notícias, factos, dicas. Os mistos combinam ambos os conteúdos.

O que explica o crescimento dos blogs?

Não é de negar que os blogs têm registado um forte crescimento ao longos dos anos. Este deve-se principalmente às suas caraterísticas, como a facilidade em publicar (porque se baseia em códigos de html simples), o seu imediatismo e a forma rápida como a informação circula e atinge o respetivo público-alvo, como também pela variedade enorme de possibilidades de conteúdo.

Que tipo de conteúdo se pode encontrar nos blogs?

Uma infinidade, desde críticas culturais (cinema, música, livros), a multimédia (fotografia, vídeo), a escrita criativa, a conteúdos jornalísticos (como notícias, entrevistas, dicas).

As redes sociais como exemplo de publicação amadora

As redes sociais são outro exemplo de publicação amadora. As redes sociais, com as suas vantagens e desvantagens, permitem a qualquer utilizador, experiente ou amador, publicar aquilo que quiser, onde quiser e como quiser.

As comunidades virtuais: o que são?

As comunidades virtuais, tal como as comunidades clássicas, são grupos de pessoas que estabeleceram relações sociais entre si. No caso das comunidades virtuais, os indivíduos que delas fazem parte, estabeleceram relações através de um computador e de um virtual settlement (espaço virtual que suporta a comunicação através dos computadores).

A publicação amadora é um dos muitos temas em discussão na Conferência de Ciberjornalismo, nos dias 22 e 23 de novembro na Faculdade de Letras da Universidade do Porto. Mais informações disponíveis aqui.

 Francisca Mendes (up201703909) – turma 2