Arquivo de etiquetas: NOS ALIVE

Foto: NOS Primavera Sound / Hugo Lima

Maratona de Festivais 2019

Começam a surgir os primeiros nomes e cabeças de cartaz para os chamados festivais de verão.  Numa altura em que o alinhamento está longe de estar fechado, as festividades são aproveitadas para disponibilizar as compras antecipadas dos primeiros passes.

O primeiro grande festival a realizar-se no ano de 2019 é o NOS Primavera Sound, no Porto. Ainda sem confirmações oficiais da organização, o Parque da Cidade, que acolherá o evento nos dias 6, 7 e 8 de junho, espera, por enquanto, Guided by VoicesO bilhete diário custa 60 euros, enquanto o passe para os 3 dias se fixa nos 100 euros.

No primeiro fim de semana de julho decorrerão mais dois grandes festivais; o Sumol Summer Fest (5 e 6) e o RFM Somnii (5, 6 e 7). O primeiro, a realizar na Ericeira, ainda não conta com qualquer confirmação, mas o preços não diferem dos outros anos. Dividem-se entre passe completo, diário e com campismo, podendo variar entre os 27 e os 60 euros. O segundo, a realizar na Praia do Relógio, na Figueira da Foz, ainda não tem disponibilizada qualquer informação relativa a preços ou artistas confirmados.

Apontado por muitos como o melhor festival do país, o NOS Alive é o que já conta com maior número de confirmações, e para todos os gostos. O palco NOS vai receber The Cure no dia 11 de julho e Bon Iver e The Smashing Pumpkins no dia 13. O palco Sagres vai acolher Jorja Smith e Sharon Van Etten no dia 11 e Tash Sultana e Pip Bloom no dia seguinte. O bilhete diário para o festival no Passeio Marítimo de Algés custa 65 euros, enquanto o passe completo ronda os 150 euros.

 

O festival Super Bock Super Rock, a realizar nos dias 18, 19 e 20 de julho, vai regressar ao Meco, Sesimbra. O evento deixa o Parque das Nações, em Lisboa, e os bilhetes já podem ser adquiridos; o diário custa 55 euros e o passe para os três dias custa 105. A primeira confirmação tem pouco tempo e reserva Lana Del Rey para o palco Super Bock logo no primeiro dia.

O mês de julho (19, 20 e 21) volta a trazer o MEO Marés Vivas a Vila Nova de Gaia, à Antiga Seca do Bacalhau, novo local do festival desde o ano passado. Os bilhetes custam 33 euros se for diário, 61 euros se for para os três dias e 160 euros para estatuto VIP. Até ao momento, a única confirmação é a do britânico Sting, no último dia, repetindo a presença de 2017.

A 16ª edição do EDP CoolJazz vai decorrer no dia 24 de julho, em Cascais, dividido entre o Hipódromo Manuel Possolo e o Parque Marechal Carmona. Os bilhetes oscilam entre os 30 e os 75 euros e a primeira confirmação é a norte-americana Diana Krall.

 

Foto: MEO Sudoeste

Fechado o mês de julho, sobram dois grandes festivais para o mês de agosto. O MEO Sudoeste é já um clássico da Herdade da Casa Branca, na Zambujeira do Mar, e este ano decorrerá entre os dias 6 e 10 de agosto. Ainda sem qualquer confirmação, os bilhetes já podem ser adquiridos e existem múltiplas opções, dependendo do campismo e da data em que é efectuada a compra. Variam, no entanto, entre os 48 e os 120 euros.

O último grande festival de verão realiza-se no “habitat natural da música”. É assim que é descrito o cenário e a localização do Vodafone Paredes de Coura. A praia fluvial do Taboão vai receber entre os dias 14 e 17 de agosto The National, Boy Pablo, Acid Arabe, Car Seat Headrest e Kamaal Williams.

 

Diogo Gonçalves

Nos Alive: A estreia de duas artistas femininas

O festival Nos Alive começou a lançar o seu cartaz e as  primeiras confirmações prometem! Duas delas são Jorja Smith e Tash Sultana, duas artistas femininas que pisam um palco português pela primeira vez.

A 13ª edição do festival vai realizar-se em julho de 2019 e conta já com a presença de Jorja Smith, cantora inglesa que vem a Portugal pela primeira vez. A artista esteve quase para tocar no palco do festival Super Bock Super Rock, porém o concerto foi cancelado.

A cantora, que conta já com um Brit Critics ‘Choice Awards, vem ao palco Sagres apresentar o seu novo álbum “Lost and Found”, lançado este verão. A artista de R&B moderno tem atraído milhares de fãs durante os últimos dois anos, depois do lançamento do seu single “Blue Lights”.

Capa do álbum “Lost & Found” retirada do google

A mais recente confirmação, apesar de menos popular, é Tash Sultana. A guitarrista australiana, pisa também pela primeira vez solo português. Das ruas de Melbourne para os palcos do Nos Alive, a “one woman band” entreterá os festivaleiros durante o segundo dia do Festival.

A artista apresenta também o seu álbum “Flowstate” que foi lançado este verão. Um dos singles mais populares é “Free Mind”.

Até à data, o NOS Alive conta também com a presença dos The Cure, The Smashing Pumpkins e Bon Iver.

O festival realiza-se a 11, 12 e 13 de julho de 2019 no Passeio Marítimo de Algés, em Lisboa. Os bilhetes já estão à venda por 65€ (bilhete diário) , 149€ (passe de três dias).

Mariana Ribeiro

NOS ALIVE ’19: Jorja Smith, Bon Iver, The Cure e muito mais

Jorja Smith junta-se a nomes como The Cure e The Smashing Pumpkins, nos dias 11, 12 e 13 de julho, no Passeio Marítimo de Algés. Os bilhetes para o festival de verão já estão à venda e as confirmações continuam a chegar.

A imagem pode conter: 1 pessoa, texto

foto: facebook do NOS Alive

A mais recente confirmação da 13ª edição do festival NOS Alive é a cantora britânica Jorja Smith. A vencedora de um Brit Awards “Choice Award” vai atuar pela primeira vez em Portugal. No Palco Sagres, vai apresentar o seu álbum de estreia “Lost & Found”, no dia onze de julho.

A primeira confirmação do festival, também para o dia onze, foram os The Cure. A banda liderada por Robert Smith foi a escolhida como cabeça de cartaz da primeira noite do Palco NOS. Segundo a página oficial do NOS Alive, o concerto conta com sucessos internacionais como “Boys Don’t Cry”, “Just Like Heaven” e “Friday I’m In Love”, alguns dos temas preferidos dos fãs e muitas surpresas.

Outra estreia em Portugal confirmada é Tash Sultana. A artista australiana vai apresentar o álbum de estreia “Flow State”, lançado no passado dia 31 de agosto. A cantora do single “Jungle”, música de destaque do jogo da FiFA 18, atua dia doze de julho no Palco Sagres.

A banda de folk norte-americana Bon Iver foi a segunda confirmação do festival. Aclamados pela crítica especializada e pelos fãs, Bon Iver já arrecadou dois Grammy. “Skinny Love” e “Holocene” são alguns dos mais famosos temas da banda ouvidos em todo o mundo. Atuam pela primeira vez no NOS Alive, na última noite, dia treze, no palco NOS.

O último dia conta ainda com The Smashing Pumpkins. A lendária e influente banda de rock alternativo, vencedora de vários prémios, sobe ao palco NOS no dia treze. Traz ao Passeio Marítimo de Algés a celebração do novo longa duração “Shiny and Oh So Bright, Vol. 1 / LP: No Past. No Future. No Sun”, lê-se na página oficial do festival.

 

O bilhete diário para o festival custa 65 euros, e o passe de três dias custa 149 euros. Existem ainda os fã Pack FNAC, o acesso ao camping do NOS Alive‘19 e outros packs para proporcionar a melhor experiência possível às pessoas. Toda a informação sobre os bilhetes pode ser encontrada aqui.

Francisca Barroso up201706844

Nos Alive 2019: The Cure regressam ao palco NOS

A banda inglesa de indie rock, liderada por Robert Smith, retorna a Portugal na edição de 2019 do festival de verão Nos Alive.

Fotografia: Facebook do Nos Alive

The cure vão atuar no primeiro dia do festival, a 11 de julho, no palco principal. A última vez que a banda esteve em Portugal foi há dois anos atrás, em 2016, na atual Altice Arena. A banda já marcou presença no NOS Alive- na altura, ainda intitulado de Optimus Alive- em 2012.

A banda detentora de 22 albúns, com outro álbum agendado para ser lançado no próximo ano, foi formada em 1978, tendo atualmente 40 anos.

The Cure já contaram com 13 elementos ao longo do seu percurso, mantendo sempre o líder Robert Smith. A atual constituição da banda conta com: Robert Smith (voz e guitarra), Simon Gallup (baixo), Jason Cooper (bateria), Roger O’Donnell (piano), Reeves Gabrels (guitarra).

The Cure vão atuar aproximadamente em 20 festivais de verão em 2019, principalmente pela Europa. O anúncio foi postado no Twitter de Robert Smith.

O NOS Alive 2019 conta já com outras confirmações como: Jorja Smith, Tash Sultana, Bon Iver e The Smashing Pumpkins.

O festival irá decorrer durante os dias 11, 12 e 13 de julho, no Passeio Marítimo de Algés. Os bilhetes para esta edição ainda estão à venda, podendo o preço variar entre os 65 euros, até ao máximo de 188 euros, incluindo pacotes especiais.

Sofia Frias, up201703932

Nos Alive: Jorja Smith estreia-se em Portugal

A cantora inglesa Jorja Smith vai atuar na edição de 2019 do festival de verão Nos Alive, em Portugal.

Jorja Smith, imagem retirada do google

Jorja Smith é a mais recente confirmação para o NOS Alive 2019. A britânica estreia-se em Portugal e junta-se  à banda The Cure no cartaz da 13ª edição do festival no dia 11 de julho, no Palco Sagres. Chegou a estar confirmada para o Super Bock Super Rock (SBSR), mas o concerto teve de ser cancelado.

Smith vem ao nosso país apresentar o álbum de estreia, Lost & Found, editado em junho de 2018. Lançou vários singles desde janeiro de 2016 e colaborou com outros artistas, incluindo Drake, Kali Uchis e Stormzy, artista que a vai substituir no SBSR.

A artista britânica deu-se a conhecer com o single “Blue Lights”, Em 2018, ela ganhou o Brit Critics ‘Choice Awards.

Até à data, o NOS Alive confirmou os The Cure, The Smashing Pumpkins, Bon Iver, Tash Sultana e Jorja Smith.

O NOS Alive’19 realiza-se a 11, 12 e 13 de julho de 2019 no Passeio Marítimo de Algés, em Lisboa. Os bilhetes já estão à venda por 65€ (bilhete diário) , 149€ (passe de três dias) e packs especiais.

Bárbara Ramos up201705093