Arquivo de etiquetas: FESTIVAL

MEO Monte Verde regressa em 2021

O MEO Monte Verde é um festival de música multigéneros nas ilhas dos Açores e prepara-se para comemorar a sua 9.ª edição, em agosto.

(c) Rita Seixas

Este Festival foi adiado em 2020, “devido à pandemia Covid-19 e em plena conformidade com todas as indicações das autoridades competentes”, comunicaram os promotores do Monte Verde. A organização, adiantou ainda que todos os ingressos que já haviam sido adquiridos são válidos para este ano.

MEO Monte Verde

Desta forma, em 2021, regressa este festival de música para todos os gostos. Também as datas já foram anunciadas pela Organização e o Monte Verde vai realizar-se de 5 a 7 de agosto, na Ribeira Grande, na Ilha de São Miguel.

Ainda não se conhecem os artistas desta 9.ª edição, no entanto, sabe-se que vai haver vários palcos e espetáculos, principalmente de música hip-hop, rock e eletrónica.

No entanto, não é só de música que este festival se trata e vão existir inúmeras atividades, como padel, aulas de cross fit e contra-relógio de monbike.

Para além disso, há também um parque de campismo exclusivo para os festivaleiros.

Os bilhetes rondam os trinta euros e podem ser adquiridos no festicket.

Sofia Santos Fernandes

MEO Monte Verde vai decorrer em agosto

O MEO Monte Verde, cuja 9ª edição foi adiada no ano de 2020, tem data marcada para agosto nos dias 5, 6 e 7. O festival decorre nos Açores e o cartaz ainda não foi anunciado.

Fonte: https://www.instagram.com/p/CCZF7VZDULe/

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Após 8 edições, o festival foi adiado devido à situação pandémica e ao crescente número de casos de Covid-19. No entanto, as datas foram reagendadas para este ano.

O MEO Monte Verde é um festival multigênero, apresentando artistas dos vários gêneros musicais, “desde rock a hip hop a música eletrônica”. De entre os músicos que já se apresentaram neste festival, estão Steve Aoki, Slow J e James Arthur.

Os bilhetes do festival, realizado na praia de Monte Verde, na Ribeira Grande, já se encontram à venda e também conta com campismo na duração do mesmo.

Segundo a página oficial do Facebook do festival, o adiamento do mesmo, no ano passado, não vai invalidar os bilhetes comprados para a edição de 2020 e, assim, serão válidos para este ano. Relativamente a reembolsos, e seguindo o artigo 4.º do Decreto-Lei 10 |de 26 de março de 2020, poderão ser solicitados de 1 a 20 de julho de 2021.

O cartaz será anunciado perto da data do festival.

 

Júlia Coelho

North Music Festival vai ser em setembro na Alfândega do Porto

O North Music Festival adiou as datas para 30 de setembro a 2 de outubro porque decidiu salvaguardar a segurança do público e manter as bandas já anunciadas. O festival musical vai decorrer na Alfândega do Porto e continuam como cabeças-de-cartaz os Deftones, The Script e The Waterboys.

 

comunicado oficial do North Music Festival anuncia que esta vai ser uma edição inédita de três dias em vez de dois. A organização do evento afirma que tem estado em constante articulação com a Direção-Geral da Saúde para garantir as medidas de saúde e segurança no festival. Jorge Veloso, diretor da Vibes & Beats, diz estar confiante na previssão do Gorverno de atingir-se a imunidade de grupo e permitir a realização responsável dos concertos musicais.

Com a crise sanitária de 2020, o festival teve que ser adiado para maio deste ano. No entanto, as datas foram reagendadas para outono e dessa maneira manter as bandas convidadas para o evento.

O North Musical Festival confirma também  nas suas redes sociais oficiais a participação de bandas como: PAUS, Moonspell, Bizarra Locomotiva e Paraguaii.

 

Hellen Carvajal

Créditos ao sitio oficial web do festival

Beach Party 2021 ocorrerá nos dias 25 e 26 de Junho

A 13.ª maior beach party da Europa ocorrerá na Praia do Aterro do Norte, em Matosinhos nos dias 25 e 26 de junho de 2021 e conta com duas atrações confirmadas: o holandês Martin Garrix e o português Karetus.

O festival agendado para os dias 27 e 28 de junho de 2020 em virtude da pandemia global da COVID-19 foi reagendado para 2021, cumprindo as determinações das entidades competentes e regras da DGES. Os bilhetes adquiridos ano passado continuam a valer para as novas datas desse ano, não sendo necessária a troca ou emissão de novos bilhetes. Além de já estarem a venda bilhetes de um dia ou passes de dois dias. A idade mínima para ir ao festival é de 6 anos.

O Beach Party é organizado desde 2007 pela Rádio Nova Era no concelho de Matosinhos e em 2019 apresentou a maior produção audiovisual do país! A Galp é o naming sponsor do festival a qual possibilitou que a Zona Vip melhorasse e ainda desenvolveu atividades paralelas ao evento, bem como um food court.

Os bilhetes estão disponíveis no sítio web do próprio festival e na bilheteria FNAC com diversas opções de compra que vão desde 85€ – Passe VIP de 2 dias, 50€ – Bilhete VIP 1 dia, 35€ Passe 2- dias e 25€ -Bilhete de 1 dia. Mas atenção que esses valores são ate o dia 24 de junho, nos dias do evento o preço, apenas dos passes de 2 dias e bilhetes de 1 dia, aumenta 3€ cada.

Os bilhetes diferem respetivamente em relação ao Bilhete VIP 1 dia – Entrada Prioritária, Zona Lounge com vista privilegiada sob o recinto, 1 Bebida Branca ou 2 de Cápsula e o Passe VIP 2 dias – Entrada Prioritária, Zona Lounge com vista privilegiada sob o recinto, 2 Bebidas Brancas ou 4 de Cápsula.

Para mais informações a cerca do festival acesse o Galp Beach Party.

Carolina Okumura

Foto: NOS Primavera Sound / Hugo Lima

Maratona de Festivais 2019

Começam a surgir os primeiros nomes e cabeças de cartaz para os chamados festivais de verão.  Numa altura em que o alinhamento está longe de estar fechado, as festividades são aproveitadas para disponibilizar as compras antecipadas dos primeiros passes.

O primeiro grande festival a realizar-se no ano de 2019 é o NOS Primavera Sound, no Porto. Ainda sem confirmações oficiais da organização, o Parque da Cidade, que acolherá o evento nos dias 6, 7 e 8 de junho, espera, por enquanto, Guided by VoicesO bilhete diário custa 60 euros, enquanto o passe para os 3 dias se fixa nos 100 euros.

No primeiro fim de semana de julho decorrerão mais dois grandes festivais; o Sumol Summer Fest (5 e 6) e o RFM Somnii (5, 6 e 7). O primeiro, a realizar na Ericeira, ainda não conta com qualquer confirmação, mas o preços não diferem dos outros anos. Dividem-se entre passe completo, diário e com campismo, podendo variar entre os 27 e os 60 euros. O segundo, a realizar na Praia do Relógio, na Figueira da Foz, ainda não tem disponibilizada qualquer informação relativa a preços ou artistas confirmados.

Apontado por muitos como o melhor festival do país, o NOS Alive é o que já conta com maior número de confirmações, e para todos os gostos. O palco NOS vai receber The Cure no dia 11 de julho e Bon Iver e The Smashing Pumpkins no dia 13. O palco Sagres vai acolher Jorja Smith e Sharon Van Etten no dia 11 e Tash Sultana e Pip Bloom no dia seguinte. O bilhete diário para o festival no Passeio Marítimo de Algés custa 65 euros, enquanto o passe completo ronda os 150 euros.

 

O festival Super Bock Super Rock, a realizar nos dias 18, 19 e 20 de julho, vai regressar ao Meco, Sesimbra. O evento deixa o Parque das Nações, em Lisboa, e os bilhetes já podem ser adquiridos; o diário custa 55 euros e o passe para os três dias custa 105. A primeira confirmação tem pouco tempo e reserva Lana Del Rey para o palco Super Bock logo no primeiro dia.

O mês de julho (19, 20 e 21) volta a trazer o MEO Marés Vivas a Vila Nova de Gaia, à Antiga Seca do Bacalhau, novo local do festival desde o ano passado. Os bilhetes custam 33 euros se for diário, 61 euros se for para os três dias e 160 euros para estatuto VIP. Até ao momento, a única confirmação é a do britânico Sting, no último dia, repetindo a presença de 2017.

A 16ª edição do EDP CoolJazz vai decorrer no dia 24 de julho, em Cascais, dividido entre o Hipódromo Manuel Possolo e o Parque Marechal Carmona. Os bilhetes oscilam entre os 30 e os 75 euros e a primeira confirmação é a norte-americana Diana Krall.

 

Foto: MEO Sudoeste

Fechado o mês de julho, sobram dois grandes festivais para o mês de agosto. O MEO Sudoeste é já um clássico da Herdade da Casa Branca, na Zambujeira do Mar, e este ano decorrerá entre os dias 6 e 10 de agosto. Ainda sem qualquer confirmação, os bilhetes já podem ser adquiridos e existem múltiplas opções, dependendo do campismo e da data em que é efectuada a compra. Variam, no entanto, entre os 48 e os 120 euros.

O último grande festival de verão realiza-se no “habitat natural da música”. É assim que é descrito o cenário e a localização do Vodafone Paredes de Coura. A praia fluvial do Taboão vai receber entre os dias 14 e 17 de agosto The National, Boy Pablo, Acid Arabe, Car Seat Headrest e Kamaal Williams.

 

Diogo Gonçalves

Nos Alive: Jorja Smith estreia-se em Portugal

A cantora inglesa Jorja Smith vai atuar na edição de 2019 do festival de verão Nos Alive, em Portugal.

Jorja Smith, imagem retirada do google

Jorja Smith é a mais recente confirmação para o NOS Alive 2019. A britânica estreia-se em Portugal e junta-se  à banda The Cure no cartaz da 13ª edição do festival no dia 11 de julho, no Palco Sagres. Chegou a estar confirmada para o Super Bock Super Rock (SBSR), mas o concerto teve de ser cancelado.

Smith vem ao nosso país apresentar o álbum de estreia, Lost & Found, editado em junho de 2018. Lançou vários singles desde janeiro de 2016 e colaborou com outros artistas, incluindo Drake, Kali Uchis e Stormzy, artista que a vai substituir no SBSR.

A artista britânica deu-se a conhecer com o single “Blue Lights”, Em 2018, ela ganhou o Brit Critics ‘Choice Awards.

Até à data, o NOS Alive confirmou os The Cure, The Smashing Pumpkins, Bon Iver, Tash Sultana e Jorja Smith.

O NOS Alive’19 realiza-se a 11, 12 e 13 de julho de 2019 no Passeio Marítimo de Algés, em Lisboa. Os bilhetes já estão à venda por 65€ (bilhete diário) , 149€ (passe de três dias) e packs especiais.

Bárbara Ramos up201705093