Aquivos por Autor: turma3

Detenção de traficante

Foi detida uma mulher que declarada culpado da prática de um crime  de tráfico de estupefacientes. A detida, de 39 anos cozinheira, foi presente a primeiro interrogatório judicial, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão domiciliária.

A Polícia Judiciária, através da Diretoria do Norte, procedeu à identificação e detenção. A Polícia  contou, no decurso das diligências de investigação, com a colaboração dos serviços da DGRSP afetos àquele estabelecimento prisional.

A detenção ocorreu hoje, quando a detida, funcionária de empresa privada que presta serviço no Estabelecimento Prisional de Paços de Ferreira.

Entrou nas instalações prisionais para iniciar a sua jornada laboral, verificando-se que transportava, de forma invisível, duas placas de haxixe, suficientes para 520 doses individuais, que destinava à população reclusa.

Vanita Assote

VOA heavy Rock festival cancelado para 2022

O festival VOA heavy rock, que estava previsto para junho deste ano,no estádio nacional de oeiras, foi cancelado  novamente para ano 2022, foi anunciado que e  pelas incertezas  que rodeiam a realização  deste grande festival.

 

O VOA Heavy Rock Festival é um dos maiores e mais conhecidos festivais de hard rock e heavy metal portugueses e tem  decorrido  em Lisboa. Desde a sua primeira edição, há mais de uma década, o festival, outrora conhecido como Vagos Open Air e VOA Fest,  já recebeu fãs e bandas bem estabelecidas do circuito. 

https://fb.watch/5tYd6fPTxm/

Este ano segundo a fonte seria 11ͣ  Edicao, e contava com a presença  como Sepultura, Korn, System of a Down, Bring Me The Horizon, e Bizarra Locomotiva. Mas a organização ainda não especificou o lugar  e nem a data da próxima realização. 

No entanto, os que já adquiriram os bilhetes no ano 2020 ainda sao validos ate o ano da realização, ou se preferir a organização aceita a devolução dos preços dos bilhetes.

 

 

Fiona Valoi, turma 03

Post Punk Strikes Back Again: de volta em Setembro de 2021

Foi anunciado que o festival Post Punk Strikes Back Again irá decorrer nos dias 17 e 18 de Setembro de 2021 no Hard Club Porto.

Devido a pandemia, o festival Post Punk Strikes Back Again alterou três vezes a data, mas acredita-se que nos dias 17 e 18 de Setembro de 2021 estarão prontos para receber os amantes do evento.

Até o momento, o Governo português ainda não autorizou a realização de eventos, mas se o mesmo reunir as regras da Direção Geral de Saúde, não haverá qualquer tipo de problemas.

A At the Rollercoaster, garantiu que “os bilhetes mantêm-se válidos para as próximas datas” e que “10 das 12 bandas presentes já confirmaram a sua participação“. O evento ainda com vendas disponível custa 50€ com os dois dias inclusos.

Com a falta de vídeos disponíveis no perfil oficial do festival, ficamos a ouvir uma playlist com os principais confirmados. Desfrute, aproveite e aguarde esse tão esperado retorno do evento.

Larissa Queiroz

 

Boom Festival: o esperado regresso

Verão normal? Não em 2021. O Boom Festival anunciou seu regresso para o verão de 2022 com a sua festa magna de aniversário de seus 25 anos: Nova Lua.                                              (Imagem: Boom Festival (facebook))

Devido a pandemia, o festival foi impedido pela segunda vez de celebrar o verão, mas promete estar de volta entre os dias 22 e 29 de Julho de 2022, no Lago Artificial de Idanha-a-Nova. 

Até o momento não existem normas para a realização de festivais em Portugal, inviabilizando que a edição de 2021 acontecesse.  Entretanto, Os 25 anos são o momento certo para saudar novas fases, um regenerado começo!” afirmam os organizadores do evento em comunicado oficial.

Apesar de mais informações não terem sido divulgadas, os organizadores garantem aos Boomers – como são conhecidos os participantes do evento, que a edição 25 anos do Boom Festival na Lua Nova será única.

A venda de bilhetes para a próxima edição ainda não começou, mas todos os bilhetes comprados em 2020 estão garantidos para 2022.

Enquanto a comunidade Boomland espera pela volta do famoso festival de música e cultura, é possível desfrutar das lives e dos videos das edições anteriores do festival, na página oficial do facebook.

Laís Morais

Nos dias 12 e 13 de Dezembro 2020, os Gorillaz marcaram um evento global com actuação ao vivo da banda

 

Os Gorillaz começaram o ano com o Episódio 1 – ‘Momentary Bliss ft. slowthai and Slaves’ – de Song Machine, um conceito totalmente novo de uma das bandas mais inovadoras da actualidade.

Este novo projecto, intitulado “Song Machine: Season One – Strange Timez”, será lançado a 23 de Outubro de 2020, nos formatos físicos de CD, vinil e cassete; além das edições Deluxe de 17 faixas e Super Deluxe. Já para não esquecer o volumoso e colorido Almanac de 210 páginas, o primeiro anuário de sempre dos Gorillaz.

E nos dias 12 e 13 de Dezembro teremos o evento SONG MACHINE LIVE que, para além de uma mistura única de efeitos visuais, contará ainda com a actuação ao vivo e em directo dos Gorillaz, que tocarão ao vivo pela primeira vez as músicas do novo trabalho Song.

Machine, Song Machine” é o processo contínuo e em constante evolução, no qual tivemos a oportunidade de ver os Gorillaz juntarem-se a uma lista crescente de colaboradores e com as gravações a decorreram ao vivo no Kong Studios e não só. Este último episódio.

 Strange Timez ft. Robert Smith, mostra-nos os nossos heróis na lua, num magnífico cenário tecnicolor criado por Jamie Hewlett, que vai girando em redor da terra ao longo da noite e que continua a girar até o sol nascer, sendo esta uma hora estranha para se ver a luz. Já podes assistir ao episódio no canal oficial da banda no YouTube: Cada episódio de Song Machine será acompanhado por Machine Bitez – conversas divertidas entre os membros da banda (em cartoon) e os colaboradores reais.

.Ao longo dos seis episódios já divulgados, Noodle, 2D, Murdoc e Russel visitaram Marrocos e Paris, Londres e Lago de Como, tendo ainda viajado até à lua pelo meio, e a verdade é que os Gorillaz estão agora preparados para nos apresentar a colecção completa. 

Gorillaz: O sexto episódio de “Song Machine”, com a participação de Robert Smith

Vanita Fernando Assote

Festival Douro Rock regressa ao Peso da Régua ao som dos GNR

O festival Douro Rock regressa ao Peso da Régua, depois da edição do ano passado ter sido cancelada devido à pandemia e já confirmou a banda GNR como cabeça de cartaz.

No photo description available.

A edição deste ano do festival Douro Rock vai realizar-se nos dias 5, 6 e 7 de agosto e já conta com a banda GNR como cabeça de cartaz e é a única confirmção até ao momento.

“Efectivamente, o Douro Rock regressa à Régua em 2021 com pronúncia do Norte!”, destaca a organização do festival em comunicado oficial no qual confirma a banda GNR que celebra 40 anos de carreira.

O festival decorre desde 2016 na região do Douro e destaca-se pela paisagem que é Património da Humanidade pela UNESCO, além de sempre apresentar boa música portuguesa e promover a gastronomia e os vinhos locais.

Nas edições passadas já passaram nomes como Xutos e Pontapés, Jorge Palma, The Gift, Pedro Abrunhosa, Clã e entre muitos outros.

Marta Magalhães (turma3)

EDP COOL JAZZ ADIADO PARA 2022 DEVIDO À COVID-19

 

A 17 ª edição do festival EDP CoolJazz, inicialmente agendada para julho de 2020, voltou a ser novamente adiada.

“O festival EDP CoolJazz está adiado para 2022. Devido à situação mundial causada pela pandemia da covid-19 e consequentes incertezas de saúde pública, o evento marca assim nova data para Julho de 2022”, afirmou a entidade promotora do festival, Live Experiences, num comunicado de imprensa.

O festival realizado desde 2004, incluía este ano nomes como: John Legend, Lionel Richie, Yann Tiersen, Neneh Cherie e Kokoroko, bem como o português Miguel Araújo, entre outros.

“Por todo o respeito que temos pelo público, artistas, técnicos, todos os envolvidos e, claro está, pela saúde pública, é desta forma que nos vemos obrigados a adiar para 2022. Este festival tem anos de história, tem muita credibilidade junto dos artistas, junto do público, dos agentes, da opinião pública e não queremos oferecer nada mais do que o melhor, e, em 2021, não estão reunidas as condições. Vemo-nos com muita vontade em 2022”, afirmou ainda a diretora da Live Experiences, Karla Campo, citada no comunicado.

A organização do evento localizado no Hipódromo Manuel Possolo e no Parque Marechal Carmona, em Cascais, promete novidades em breve, bem como novas datas e outras informações de interesse para o público.

Os bilhetes de 2020 e 2021 serão válidos para os concertos previstos para 2022, não sendo necessário efetuar a sua troca, caso já os tenha adquirido e pretenda frequentar o festival no próximo ano.

 

Catarina Santos

 

Boom Festival voltará a ocorrer em Julho de 2022

O Boom Festival anunciou o adiamento do evento para Julho de 2022 por conta das restrições decorrentes da Covid-19. O festival acontecerá no Verão do próximo ano na região de Idanha-a-Nova, no distrito de Castelo Branco.

Foto: Boom Festival

O Boom Festival anunciou um novo adiamento do festival que estava previsto para ocorrer em 2020, no entanto, não foi possível devido à situação de pandemia enfrentada por todo o mundo. A organização comunicou que a próxima edição acontecerá em Julho de 2022. 

Em comunicado publicado em seu website, a organização reforça que devido às regras de distanciamento social e outros protocolos de saúde, “a amizade, a união, a liberdade, a natureza, a festa, a descoberta interior e coletiva não podem ser vividas”. Desse modo, agendou o festival para os dias 22 a 29 de Julho de 2022, a ocorrer no sítio habitual no distrito de Castelo Branco.  

Além disso, o maior festival europeu e que está, também, entre os sete mais transformacionais de acordo com a matéria da Rolling Stones Magazine publicada em 2016, fará da próxima edição um evento único com o tema “25 anos do Boom Festival na Lua Nova”. Segundo os organizadores, “um momento para saudar novas fases, um regenerado começo”.

O festival representa não só um evento de música, mas principalmente um acontecimento singular que dedica-se às artes, à cultura, ao teatro, ao cinema, às integração entre pessoas de diferentes nacionalidade – visto que, 85% dos participantes são estrangeiros – e à preocupação com a sustentabilidade em cada etapa de sua execução. 

No que se relaciona ao meio ambiente, o Boom Festival é referência quanto às medidas adotadas para que não haja danos causados à natureza. Assim, a cada planejamento e execução do evento, são usadas fontes alternativas de energia como a energia eólica, o uso de painéis fotovoltaicos – instalados em edições anteriores – e o uso de biocombustível. Esse é produzido a partir do reaproveitamento do óleo alimentar usado por restaurantes nos arredores de Idanha-a-Nova. 

Enquanto a data do próximo evento não chega, é possível entender um pouco mais sobre este festival internacional alternativo neste vídeo produzido em 2017 especialmente para a celebração dos 20 anos de existência do Boom.

Para informações sobre o plano de desconfinamento e a situação do Covid-19 em Portugal, acesse aqui.

Por Amanda Faria.

SonicBlast regressa em novo recinto

 

A 10ª edição do festival SonicBlast vai realizar-se de 12 a 14 de agosto, na Praia da Duna do Caldeirão, após complicada procura de novo local.

Alguns nomes já anunciados são John Garcia & The Band of Gold, All Them Witches, Brant Bjork, Witch, Causa Sui, BALA e Psychlona mas o cartaz ainda não está completo.

Segundo a organização, a escolha do novo local acontece no contexto de “meses e meses de trabalho árduo e de várias contradições pelo caminho”. O recinto terá a mesma lotação que as edições anteriores, cerca de mil espectadores, mas uma área muito maior, de modo a garantir a segurança.

Em fevereiro de 2020, o presidente da Câmara de Caminha, Miguel Alves, anunciou o fim do período do concelho como anfitrião do festival, porque a organização não aceitou “nenhuma das quatro localizações” alternativas à aldeia de Moledo, apresentadas pela autarquia em negociações que se prolongaram por quatro meses.

Entre as quatro propostas de Miguel Alves constava um espaço na freguesia de Âncora, junto ao campo de futebol do Âncora Praia, que segundo o presidente é o mesmo local onde se vai realizar a edição de 2021, conforme publicado no Observador.

Em declarações à agência Lusa, Ricardo Rios, da organização, afirma ter visto o sítio proposto pela autarquia, mas acrescenta que o espaço escolhido fica “noutro local da freguesia de Âncora”.

“É um local que tem melhores condições. É maior, o que nos permite garantir toda as normas de segurança, está situado ao pé da praia, em comunhão com a natureza. Vamos manter a lotação nas edições anteriores, cerca de mil pessoas e estou confiante que vai ser uma grande edição”, explica.

Em 2020, o festival aconteceu através de uma versão online, numa live no YouTube.

(video)

SonicBlast Fest tem o apoio da Antena 3. Os bilhetes estão à venda através da BOL network, ou seja, em lojas como Fnac, Worten, CTT, e também via online.

Os bilhetes foram colocados à venda a 23 de novembro. Nesse mês, o custo do passe geral era 50€. O preço do mesmo aumenta conforme a aproximação da data do festival, tendo custado 65€ de 1 de dezembro a 31 de maio. A partir de 1 de junho, o valor será 75€.

Bruno de Azevedo

A 4ª edição do festival Post Punk Strikes Back Again está de volta em setembro de 2021

A 4ª edição do festival Post Punk Strikes Back Again, organizado pela Rollercoaster, está de volta nos dias 17 e 18 de setembro, no Hard Club, no Porto.

O festival de Post-Punk que já tinha sido adiado para fevereiro de 2021, devido à pandemia, vai agora realizar-se no fim de verão e já conta com as confirmações de vários artistas. No dia 17 de setembro ( “Female Vox Day”): Fear of Men (Inglaterra), Tisiphone (França) e New Pagans (Irlanda do Norte). E no segundo dia (“Male Vox Day”): I like trains (Inglaterra), Then comes, Silence (Suecia), Plastic people (Portugal), Fabricators (Inglaterra), Barlin(França) e Odd morris (Irlanda).

A organização do festival divide-se em duas partes, nas quais as artistas femininas atuam no primeiro dia e, os artistas masculinos atuam no segundo dia. A programação pré-estabelecidade do festival proporciona uma maior liberdade ao ouvinte na seleção dos concertos a que deseja assistir.

A realização do Post Punk Strikes Back 4 tem vindo a ser adiada desde setembro de 2020 em virtude das restrições estabelecidas devido à pandemia da Covid-19. No entanto, os organizadores acreditam que cumprindo todas as medidas de segurança, é possível manter as datas do projeto.

Os passes promocionais para os dois dias (17 e 18 de setembro) já estão à venda nos locais habituais ( BOL online, FNAC, Worten, e El Corte Inglês) e os bilhetes anteriormente adquiridos mantêm-se válidos para as próximas datas.

 

Leonor Carvalho, turma 3