Aquivos por Autor: turma1

North Musica festival de regresso ao à Alfândega do Porto

North Musica festival de regresso ao à Alfândega do Porto, após adiamento no ultimo ano.

Em 2021 o festival teve de ser adiado devido a impossibilidade logística de testar todos os participantes durante todos os dias do evento, norma imposta pela DGS (Catarina Ferreira e Delfim Machado, Jornal de Noticias).

A quarta edição do evento já tem cartaz completo para os três dias do evento que se realiza entre os dias 26 a 28 de maio. O festival trará artistas nacionais e internacionais como os cabeças de cartaz Ornatos Violeta, Don Diablo, Robin Schulz. Conta ainda com os artistas Linda Martini, The Jesus and Mary Chain, The Waterboys e GNR, segundo o site oficial do evento promovido pelo Jornal de Noticias. Pode ainda ver os restantes artistas no video de promoção do evento e no cartaz abaixo.

(Foto: Site, eventos em Portugal)Cartaz North Music Festival de 2022

Filipa Fernandes

NOS Primavera Sound de regresso em 2022

O NOS Primavera Sound vai voltar à cidade do Porto de 9 a 11 de junho. Após as edições de 2020 e 2021 terem sido canceladas, o festival está de regresso para a 9ª edição.

 

A 9ª edição do NOS Primavera Sound irá realizar-se este ano depois de dois anos de ausência devido à pandemia. O festival tem data anunciada de 9 a 11 de junho no Parque da Cidade do Porto.

A organização do festival já anunciou o cartaz que é encabeçado por Tame Impala, Gorillaz, Nick Cave and the Bad Seeds, Beck e Pavement. O NOS Primavera Sound vai, ainda, contar com a presença de nomes como Little Simz, Kim Gordon ou King Krule. O cartaz tem, também, alguns nomes da música portuguesa como Rita Vian, David Bruno ou, a estrela ascenção Chico da Tina. É um cartaz variado, com forte presença do rock, mas também, com artistas pop ou até mesmo de música comtemporânea.

O festival, que surgiu em Barcelona no ano de 2001, teve a sua 1ª edição em Portugal na cidade do Porto em 2012, na altura sob organização de José Barreiro.

Quem se pretender deslocar ao Parque da Cidade para viver a experiência do festival pode adquirir os seus bilhetes a partir de 60 euros, o passe geral a partir de 140 euros, ou ainda o passe geral VIP por 200 euros. Os bilhetes adquiridos para as edições de 2020 e 2021, que acabaram por ser canceladas devido aos efeitos da pandemia da Covid-19, são válidos para a edição deste ano.

 

João Domingues

NOS Primavera Sound volta a alegrar o Porto em 2022

O Primavera Sound regressa à cidade do Porto entre os dias 9 e 11 de junho. Gorillaz, Tame Impala, Nick Cave e Pavement encabeçam a edição de 2022 do festival.

Após o seu cancelamento em 2020 e 2021 devido à pandemia, a 9ª edição do Primavera Sound está agora agendada para os dias 9, 10 e 11 de junho, no Parque da Cidade do Porto. As cabeças de cartaz desta edição são Gorillaz, Tame Impala, Nick Cave and The Bad Seeds e Pavement, sendo já mais de 60 os artistas confirmados para a edição portuguesa do festival.

São ainda esperados os concertos de Beck, King Krule, C.Tangana, Little Simz, Cigarettes After Sex, Bad Gyal, Mura Masa, Dinosaur Jr, Chico da Tina, Diiv, entre outros. O cartaz está disponível no site do festival.

Nenhuma descrição de foto disponível.

Última edição do NOS Primavera Sound Porto. Foto: Hugo Lima

Os bilhetes podem ser obtidos na DICE e nos pontos de venda habituais (FNAC, CTT, El Corte Inglés, e Lojas NOS). Estão há venda os passes semanais (155€), os bilhetes diários (70€) e ainda os passes gerais VIP (300€), que estão em exclusivo na DICE e incluem um welcome pack, descontos no consumo dentro da zona VIP e acesso a áreas com vista privilegiada.

Quanto aos bilhetes que foram adquiridos para as edições anteriormente canceladas do festival, estes são válidos, tendo de ser trocados por um bilhete para a edição de 2022, no ponto de venda onde foi adquirido.

Podes consultar aqui todas as informações sobre o festival. As portas do recinto abrem às 16h.

Mariana Monteiro

Sound Waves está de regresso para a 15ª edição

O festival “Sound Waves” está de regresso, este ano, à praia de Esmoriz, no dia 2 de julho, depois de dois anos parado devido à  pandemia. O cartaz conta com vários artistas techno e underground internacionais, como Ben Klock, Dave Clarke, SNTS e Stella Bossi, e portugueses, como Du/Art, Carol D’Souza e Danni Gato.

Tendo o seu início em 2005, o “Sound Waves” é um dos festivais de música eletrónica mais antigos em Portugal. Após dois anos que tornaram praticamente impossível a realização de qualquer festival, o festival está de volta para a sua 15ª edição. Incialmente, este começou por ser um evento de pequena dimensão mas, como Bernardo Bernardes, membro da direção do “Sound Waves” disse à Lusa, tem registado “um desenvolvimento quer a nível artístico, quer a nível de localização” todos os anos. A mudança de localização que ocorreu há cinco anos para a Praia de Esmoriz, em Ovar, ajudou a catapultar “um crescimento ainda maior”.

O festival conta com vários artistas de renome da techno mundial, como o alemão Ben Klock, um dos DJs e produtores mais requisitados da atualidade e que é visto como um símbolo do movimento tecnho moderno. Também o britânico Dave Clarke, que ainda nos dias de hoje é considerado uma das maiores lendas da música underground.

Quanto ao panorama nacional, estará presente o experiente Carlos Manaça, que já conta mais de 35 anos de carreira e é um dos maiores embaixadores da música eletrónica em Portugal.

Apesar de já ser um dos maiores destaques do techno nacional, o Sound Waves tem como objetivo tornar-se também “uma bandeira do tecnho internacional” segundo Bernardo Bernardes.

O preço dos bilhetes individuais está entre os 40 e os 60 euros. Estão ainda disponíveis packs VIP, até dez pessoas, até 1.500 euros.

De modo a facilitar o acesso ao local, foram feitas algumas parcerias com transportes públicos, nomeadamente autocarros, que ligam locais em Portugal e Espanha até Esmoriz.

Imagens da última edição do festival, realizada em 2019

 

Afonso Leite

 

 

Festival Paredes de Coura com dia dedicado à música portuguesa

O festival Paredes de Coura, está de volta e traz para este ano um dia extra dedicado exclusivamente à música portuguesa.

O primeiro dia de festival, dia 16 de agosto é dia cantado em português. Desde hip-hop até ao típico fado, a música portuguesa abrange várias vertentes musicais que o festival decidiu incorporar. Passam pelo palco minhoto nomes como Sam the Kid com orquestra e Orelha Negra, os Mão Morta, Linda Martini, Samuel Úria, Benjamim, Moullinex, Pluto, os grupos You Can’t Win Chalie Brown e Conjunto Corona, entre outros.

Para os restantes dias marcarão presença Pixies, Beach House, The blaze, King Gizzard & The Lizzard Wizzard, IDLES, Slowthrai, Arlo Parks, Princess Nokia e muitos mais.

Este que é o festival mais antigo de Portugal revela-se importante para a história da música no país. Responsável pela descoberta de várias promessas musicais e na introdução de artistas consagrados da música a nível mundial. Tendo já sido considerado um dos cinco melhores festivais de música da Europa pela revista Rolling Stone.

O festival com 29 anos de existência decorre desde o dia 16 de agosto até dia 20 de agosto na praia Fluvial do Taboão

 

Para mais informação consultar cartaz do festival Paredes de Coura 2022 aqui.

Meo Marés Vivas: Trocas de Bilhetes e Nova Confirmação

A 14ª edição do festival, Meo Marés Vivas, realizado em Vila Nova de Gaia e prevista para julho de 2022, conta com mais um artista confirmado e com alterações nas trocas de bilhetes.

O artista português, Dino D’Santiago, é a mais recente confirmação no cartaz do festival, tendo sido escalado para atuar no segundo dia do Meo Marés Vivas 2022.

Sendo o site oficial do festival, para além deste músico, passa também a fazer parte do alinhamento do dia 16 de julho a cantora Bárbara Tinoco, inicialmente confirmada para o último dia.

Com base no comunicado oficial, devido à “massiva adesão” à troca de bilhetes de anos anteriores por parte do público, a organização do evento decidiu alargar o período de troca dos mesmos até ao dia 15 de abril de 2022, inclusive.

Para obter informações mais detalhadas sobre a troca e preços dos bilhetes, o público poderá aceder ao site oficial do festival ou entrar em contacto com a Ticketline.pt via email.

A edição deste ano contará com a presença de alguns artistas já anunciados em cartaz, tais como: Bryan Adams, Anitta, Jessie J, Bárbara Tinoco e Diogo Piçarra.

 

Beatriz Amorim

Cartaz da Brisa Beach Party 2022 revelado

A Brisa Beach Party 2022 regressa à praia do Aterro, em Matosinhos nos dias 1,2 e 3 de julho.

Brisa Beach Party 22 - oGuia | Porto

A “maior festa do Verão” para os amantes de música eletrónica está de volta. Após dois anos de interrupção devido à pandemia do Covid 19, o evento da Nova Era regressa à Praia do Aterro Norte, em Matosinhos. Com data e local confirmado, foram anunciados os cabeça de cartaz para o festival. Encabeçado por artistas como Martin Garrix e Armin Van Buuren, o evento é esperado com grande antecipação. As entradas já estão à venda no site da Rádio Nova Era e nos locais habituais. Os bilhetes adquiridos para as edições de 2020 e de 2021 permanecem válidos e não necessitam de ser trocados, podendo ser apresentados na entrada do recinto.

Artistas confirmados para a Brisa Beach Party 2022:

1 de julho:

Dimitri Vegas & Like Mike; Danni Gato; Sub Zero Project

2 de julho:

Martin Garrix; Mariana BO; KC Lights; Chapeleiro; Karetus; Lost Frequencies; D-Block & S-te_Fan;

3 de julho:

Armin Van Buuren; W&W; Will Sparks; Coone; Kevu; Bass Jackers

Preços dos bilhetes:

Diários:

  • 27 euros (até 15/06)
  • 29 euros (até 30/06)
  • 32 euros (dia)

Passes:

  • 50 euros (até 15/06)
  • 53 euros (até 30/06)
  • 56 euros (dia)

Vê os melhores momentos da edição de 2018:

Todas as informações para o evento no site da Rádio Nova Era:

https://radionovaera.pt/

A Beach Party está assim de volta à Praia do Aterro Norte e promete matar saudades de todos os amantes de EDM em 2022.

 

Rodrigo Sousa

O MEO Marés Vivas regressa em 2022 depois de dois anos sem concertos

Fonte: MEO Blueticket

Bryan Adams, Maluma, Anitta e Jessie J são alguns dos artistas de renome confirmados para a 14ª edição do Meo Marés Vivas 2022. O festival que tem lugar nos dias 15, 16 e 17 de julho, em Vila Nova de Gaia, conta ainda com nomes portugueses como Miguel Araújo, Bárbara Tinoco, Dino D’Santiago, Diogo Piçarra e ainda a mais recente aposta na música, Rita Rocha.

O cartaz avançado pela organização fala ainda de atuações de Angie McMahon, The K’s, James e Máximo Park.

A novidade desta edição é a mudança de localização, não sendo, no entanto, muito distante em relação às edições anteriores.

No site do festival constam informações úteis como preço dos bilhetes, informação sobre os artistas, os acessos ao recinto e a estadia durante o decorrer do MEO Marés Vivas. O recinto encontra-se aberto entre as 16h e as 4h e dispõe de algumas normas a cumprir, também disponíveis para conhecimento no site.

Para quem tinha adquirido bilhetes em 2020 e 2021, mantem-se válida a ida ao festival, com as datas de bilhete e possíveis trocas esclarecidas pela organização do evento.

Recorde como foi o “maior festival de música do norte do país” em 2019!

Fonte: Youtube

Joana Amarante

NOS Primavera Sound: cartaz de luxo na próxima edição do festival

Depois de dois anos sem se realizar, o NOS Primavera Sound volta ao Parque da Cidade do Porto para mais uma edição, marcada por fortes nomes no cartaz.

Foto: DR/NOS Primavera Sound

Nick Cave and The Bad Seeds é cabeça de cartaz no primeiro dia do festival, marcado pelo regresso do cantor australiano a Portugal, juntamente com Tame Impala, que prometem abanar o recinto. O segundo dia estará entregue a Beck e Pavement, enquanto que o terceiro estará a cargo de Gorillaz e Interpol, que encerram aquela que é a mais esperada edição do NOS Primavera Sound, depois de ter sido adiado três vezes por causa da pandemia.

Em comunicado, a organização garantiu que os bilhetes comprados para as edições de 2020 e as duas de 2021 são válidos para a nova edição, embora tenham que ser obrigatoriamente trocados por um bilhete da edição de 2022, que se realiza já no próximo mês. A organização afirma ainda que será possível pedir o reembolso do valor pago pelo bilhete.

Este festival terá um “cartaz com peso local”, com artistas lusófonos, como Arnaldo Vieira e Pedro Mafama, misturando vários géneros musicais e “não importa o tipo de festa que se tem em mente”.

A cidade do Porto vai, assim, receber mais uma edição do NOS Primavera Sound, completando este ano 10 anos de existência em Portugal.

Profissional

Música: Paredes de Coura regressa já no verão de 2022

A 28ª edição do “Vodafone Paredes de Coura”, que foi cancelada em 2020 e 2021 devido à pandemia da Covid-19, regressa de 16 a 20 de agosto de 2022. Pixies, Idles, Parquet Courts e BadBadNotGood são os cabeças de cartaz do festival minhoto.

O festival Vodafone Paredes de Coura regressa já em agosto e conta com um dia extra dedicado exclusivamente à música portuguesa. Neste dia estarão presentes nomes como: Sam The Kid & Orelha Negra, Pluto, Mão Morta, Linda Martini, Moullinex e Samuel Úria.

O festival que se realiza junto à praia fluvial do Taboão conta com alguns nomes já confirmados. Entre eles estão: The Blaze, The Comet Is Coming e Alex G, Orelha Negra, os minhotos Mão Morta, os Linda Martini, Moullinex, Samuel Úria, Benjamim, You Can’t Win, Charlie Brown, Noiserv, Bruno Pernadas, Conjunto Corona, 10 000 Russos, Club Makumba, Conjunto Cuca Monga e ainda, The Lemon Lovers, The Twist Connection, Rita Vian, Rapaz Ego, Paraguaii e Ocenpsiea.

cdnetwork.madeinportugalmusica.pt/wp-content/up...

(Imagem retirada do Facebook “Festival Vodafone Paredes de Coura”)

Para a compra dos passes gerais basta adquiri-los na aplicação oficial do festival, na plataforma bol.pt, no Seetickets e ainda nos locais habituais ( Fnac, CTT, El Corte Inglés), pelo valor de 120 euros.

É até dia 30 de abril o prazo para a troca dos bilhetes das edições não realizadas (2020 e 2021) por um bilhete válido para a edição de 2022 do festival. Para isso basta acederes aqui.

O diretor do Paredes de Coura releva as suas expectativas em relação à realização do festival e afirma que “Tudo indica que, em 2022, os festivais vão voltar a realizar-se sem restrições, com um plano de contingência”.

Margarida Gomes Rodrigues