Mundial do Catar com campanhas de inclusão

O Mundial do Catar tem campanhas de inclusão nas várias etapas disputadas. A FIFA juntou-se a 211 organizações como a ONU  e criou iniciativas de inclusão, de modo a promoverem causas universais para mudanças positivas a nível global na sociedade.

Fonte: Benfica (site)

Segundo o comunicado da FIFA, publicado no passado sábado, dia 19 de novembro, a mesma quer usar o poder do Futebol “para refletir um espirito de inclusão para todas as opiniões e crenças “.

Deste modo a FIFA juntou-se à ONU, e a outras organizações como a UNESCO, Organização Mundial de Saúde e Programa Alimentar Mundial. As campanhas serão divulgadas antes de cada fase através da comunicação social, nos televisores dos estádios e equipamento dos jogadores, como as braçadeiras dos capitães.

A fase de grupos, primeira fase a ser disputada, conta com o tema “Futebol une o mundo“. Os temas das próximas etapas são:

  • 2ª: Fase de grupos: Salvar o planeta 
  • 3ª: Fase de grupos: Proteger as crianças
  • Oitavos de final: Educação para todos
  • Quartos de final: Sem discriminação (ligado ao dia dos direitos humanos que se celebra a 10 de dezembro)
  • Meias finais: Estar ativo
  • Final: Futebol une o mundo- futebol é alegria, paixão, esperança, amor e paz

Na cerimónia de abertura do mundial no Catar, já foi visível a inclusão e união, tema da primeira fase de grupos, como se pode ver no vídeo, aqui.

No decorrer do campeonato a FIFA tem lançado várias notícias e comunicados no seu site sobre estas campanhas, para mais contexto e informações. 

No entanto, o mundial começou à poucos dias, assim como as campanhas e muitos problemas já teem ocorrido relativamente a isso. Como por exemplo, alguns países já estavam a usar a braçadeira de apoio à campanha “One Love” e foram aconselhados a não usar para já, podendo ser sancionados se o fizessem.

Para mais informações contactar: up202105121@up.pt

Filipa Fernandes