PJ investiga crimes de fraude no valor de 9 milhões de euros

A Polícia Judiciária, através da Diretoria do Norte, inicia a recolha de provas quanto a crimes de fraude na obtenção de subsídio. Foram iniciadas 6 buscas em algumas cidades do Norte do país.

 

O objetivo da investigação realizada no âmbito de inquérito titulado pelo Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP) procura provas relativas a fraudes cometidas ma obtenção de subsídio, fraude fiscal e branqueamento. Segundo a PJ, estima-se que os valores dos crimes cometidos sejam avaliados no valor de 9 milhões de euros.

As buscas foram realizadas nas áreas de Águeda, Caminha, Guimarães, Matosinhos e Porto, incluindo a participação do magistrado judicial e do Ministério Público, e ainda de vários inspetores da PJ.

 

Ana Pinto Turma 4