Autárquicas 2021: abstenção na Maia foi de 47,69%

Nas eleições autárquicas do passado domingo (26), houve uma abstenção no concelho da Maia de quase metade dos votantes. É a segunda cifra de abstenção mais elevada desde 1976, só superada pela abstenção dos maiatos nas autárquicas de 2013, com 49,07%.

De acordo com os resultados oficiais das eleições de 26 de setembro, António Silva Tiago foi eleito novamente para presidir a Câmara da Maia. De acordo com o site Notícias Maia, o candidato da coligação “Maia em Primeiro” já tinha conquistado o cargo nas autárquicas de 2017, com maioria absoluta (sete das dez Freguesias); enquanto nas eleições atuais ganhou mais duas Juntas (nove das dez Freguesias).

Fonte: Site oficial Notícias Maia

Baseado nos dados do site oficial SGMAI-Secretaria Geral, nos resultados de 2017 e 2021 para a Câmara Municipal do Concelho de Maia, observa-se que o aumento da abstenção não afetou negativamente a taxa de eleitores apoiantes da coligação PSD/CDS, cuja cifra foi de 39,95% em 2017 e 40,42% em 2021. Os números refletem, portanto, que houve um aumento na percentagem de votos que deram a vitória ao candidato de “Maia em Primeiro”.

Fonte: SGMAI-Secretaria Geral

Segundo o site de notícias Expresso, a nível nacional, a abstenção das autárquicas deste ano também foi a segunda cifra mais elevada desde 1976, só ultrapassada pela taxa de abstenção de 2013. Nestes comícios de 2013 houve uma abstenção de 47,40%, muito perto da cifra de eleitores que não compareceram nestas votações de 2021: 46,35%.

Fonte: Site de notícias Expresso

Relativamente às Assembleias de Freguesias do Concelho da Maia, de acordo com o site Notícias da Maia, o Partido Socialista só conquistou a Freguesia de Águas Santas, as outras nove Juntas deram a vitória ao PSD/CDS. Os eleitos foram os candidatos seguintes:

PSD/CDS:

Cidade da Maia: Olga Freire; Pedrouços: Isabel Carvalho; Castêlo da Maia: Manuel Azenha; Milheirós: Maria José Neves; Folgosa: Vítor Ramalho; Nogueira e Silva Escura: Ilídio Carneiro; Moreira da Maia: Carlos Moreira; São Pedro Fins: Raquel Freitas; Vila Nova da Telha: Joaquim Azevedo.

PS:

Águas Santas: Miguel Dos Santos.

 

Por Hellen Carvajal