Festival SBRS.FM Em Sintonia não se deixa travar pelas restrições da COVID-19

ProfJam e benji price - uma das cabeças de cartaz do SBSR.FM Em Sintonia

ProfJam e benji price – uma das cabeças de cartaz do SBSR.FM Em Sintonia | Fonte: SBSR:FM Em Sintonia

O festival SBSR.FM Em Sintonia realiza-se presencialmente na quinta e na sexta-feira (17 e 18 de dezembro), na Altice Arena, Lisboa. Já não decorre no sábado, 19, devido às medidas mais recentes do Governo, face à pandemia.

Com um cartaz que promove exclusivamente a música nacional, o SBSR.FM Em Sintonia teve de passar para quinta, 17 de dezembro, a programação inicialmente anunciada para sábado, 19. O concelho onde o festival decorre, Lisboa, é de risco muito elevado relativamente à COVID-19, o que implica medidas mais restritivas durante o fim de semana.

O uso de máscara é obrigatório durante todo o evento. Os concertos do festival vão ter plateia com lugares sentados, respeitando a distância de segurança de dois metros. A organização do evento assegura a desinfeção de todo o recinto.

SBSR.FM Em Sintonia surge como resposta à impossibilidade de realizar o festival Super Bock Em Stock devido ao panorama pandémico atual. Assim, os organizadores pretendem “manter viva a tradição da realização de um evento de outono/inverno”.

Os festivais de outono não são tão abundantes quanto os de verão. No entanto, são uma realidade em Portugal. Em 2020, a COVID-19 não impediu a realização de festivais numa altura mais fria do ano, mas exigiu adaptação. Por exemplo, o festival Misty Fest, que percorre palcos de todo o território nacional, teve muito menos concertos que o habitual.

O Santa Casa Alfama também já ocorreu, no início de outubro, respeitando todas as orientações da DGS. O bracarense Festival Para Gente Sentada, que normalmente decorre em dois dias, estreia em 2020 uma edição de Natal de três dias – de quarta, 16, a sexta-feira, 18 de dezembro.

 

Verónica Romano