Marés Vivas 2020: Liam Payne e James Arthur marcam presença no festival

A próxima edição do Marés Vivas decorre nos dias 17, 18 e 19 de julho de 2020, em Gaia. James Arthur e Liam Payne são as primeiras confirmações.

No passado dia 26 de novembro, a organização do Marés Vivas anunciou a vinda de Liam Payne ao festival. O ex-membro da banda britânica One Direction volta a Portugal, desta vez a solo, e estreia-se no palco do Marés no segundo dia do festival.

Em 2016, o artista lançou o seu primeiro single, “Strip That Down”, com a colaboração de Quavo. O tema foi um sucesso a nível mundial e alcançou o topo das tabelas americanas. Esta posição permitiu que o single conseguisse um certificado de Platina em cinco países, entre os quais o Reino Unido e os EUA. Desde essa altura, Payne tem colaborado com alguns dos nomes mais conhecidos da atualidade, tais como Zedd, Rita Ora e J Balvin.

No passado dia 5, foi confirmada a vinda de James Arthur, que vai atuar no primeiro dia do festival. O artista britânico, vencedor do programa The X Factor em 2012, viu o seu single de estreia, “Impossible”, no topo das tabelas.

Em 2016, Arthur lançou o single “Say You Won’t Let Go”, que vendeu mais de 10 milhões de cópias em todo o mundo. O álbum “Back From The Edge” é multi-platina em todo o mundo. O cantor foi indicado para dois BRIT Awards e um American Music Award.

James Arthur já vendeu mais de 25 milhões de discos em todo o mundo e fez uma colaboração com a cantora Anne-Marie. O artista está a editar um novo álbum, que pode ser lançado no final deste ano.

A edição deste ano do Marés Vivas contou com a presença de bandas como Keane e Ornatos Violeta e foi considerada por Jorge Lopes, responsável da PEV Entertainment, “a melhor edição de sempre”.  O festival contou com cerca de 35 mil entradas diárias, resultado que excedeu as expectativas da organização.

 

Ana Raquel Reis (turma 2 / up201704487)