Cronologia: Caso Pavilhão Rosa Mota

Desde 1991 que o antigo Pavilhão dos Desportos ficou conhecido como Pavilhão Rosa Mota. Este ano, após a reabilitação do espaço, o nome também mudou. Aqui segue a cronologia da polémica “Superbock Arena Pavilhão Rosa Mota”:

22/11/2018 (20:01) – Câmara do Porto quer adicionar nome de marca de cerveja (Super Bock) ao Pavilhão Rosa Mota.

28/10/2019 (09:30) –  Rosa Mota anuncia que não vai à inauguração do pavilhão. Em carta aos deputados da Câmara do Porto (disponível no observador) diz que se sente “enganada” e rejeita ter o seu nome associado a uma bebida alcoólica.

Durante a tarde –Inauguração do Super Bock Arena/ Pavilhão Rosa Mota.  “Não me venham agora com complexos”, disse Rui Moreira durante o discurso de inauguração

18:30 Bloco de Esquerda é contra a alteração do nome. “Rosa Mota é uma figura marcante do desporto nacional e um símbolo de empenhamento e esforço que tanto diz à cidade do Porto”. O BE quer reverter a mudança e promove um debate aberto à cidade.

30/10/2019 (15:56) –  Carlos César, ex-líder da bancada parlamentar socialista, revela, durante um programa da TSF,  que a alteração do nome é “uma desconsideração de uma figura ímpar para o país”.

30/10/2019 (22:02) –  SIC Notícias adianta que Rosa Mota não quer ter o seu nome associado a uma bebida alcoólica, contudo é confrade da cerveja desde 2008.

31/10/2019  (22:00) – Ornatos Violeta são os primeiros a pisar os palcos do renovado Super Bock / Pavilhão Rosa Mota.

04/11/2019 (06:46) – Chumbo da proposta da CDU para a alteração do nome do Pavilhão para “Rosa Mota Super Bock Arena”.

 

 

Beatriz Carvalho